quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Odé Igbò

Irmão de Ogún e Esú, Igbò é filho de Iyá Ogunté e Ogún Alagbedé, o ferreiro. Teria se perdido nos encantos de Osaiyn e após sua mãe o chamar três vezes para que voltasse para casa sem sucesso, ela teria o dado como morto, mas Esú e Ogún não desistiram do irmão e seguiram em uma longa jornada atrás de Igbò, Iyá Ogunté, triste e preocupada com a direção de seus filhos, se transformou em um rio, para que eles, durante a estrada pudesse matar a sede, a esse rio foi dado o nome de Ogún. 
Odé Igbò mais tarde foi morar com Osún Okè, conta a lenda que por amor a ela, ele caçou em um dia proibido, caindo em sono profundo, para que o amado voltasse a vida, Okè firmou um acordo com as Iyás (Mães Ancestrais), que se ele voltasse a vida, ela iria abdicar do amor de Igbò e morar isolada na montanha. Após voltar a vida, a Igbò foi dado a tarefa de proteger a fauna e não permitir que houvesse caça sem a real necessidade.

Nenhum comentário: