Postagens

Mostrando postagens de 2017

Candomblé - Nossas promessas

Imagem
O Candomblé é uma religião de resistência e foi construída sobre a base firme da confiança, fidelidade e resistência, com o passar do tempo o fato das perseguições diminuírem, apesar do tamanho do preconceito que ainda existe, acredito que fomos nos distanciando do verdadeiro sentido de nascer para o Orisá, que é ter a oportunidade do autoconhecimento (memória ancestral x nossas escolhas x comunidade), uma ferramenta poderosa para edificarmos um ser humano mais forte, com raízes firmes, prontos para enfrentar qualquer tempestade.
E a magia da nossa fé é que essa é uma oportunidade única, mas que nos acompanhará por toda vida, do tempo de iyáwò até ao sacerdócio e toda vez que nos distanciamos do verdadeiro sentido da fé, o Orisá vem e nos mostra o caminho certo, dando a graça de corrigirmos a nossa postura, reavaliarmos a vida, as amizades e o nosso papel perante a comunidade. Esse é um processo que costuma ser bem doloroso, pois a vaidade e o ego insiste em nos puxar para trás, enges…

Meu Instragam - Babá Diego de Odé

Imagem
#qualidadedeorixá #omolu #candomblé

Cartões Especiais

Terminando o ano...

A Força do Ajé - Como funciona

Imagem
A força do Ajé – Como funciona Sabemos que no Candomblé a força do “Ajé” existe, seja em qual for a época, sempre se ouviu falar que há uma energia contrária, que tenta o tempo todo boicotar a presença daquilo que é para nós a unidade onde tudo se encontra, o homem (espécie) e com o passar do séculos, nossas atitudes contrárias a criação, fortaleceu ainda o “negativo”, principalmente quando não permanecemos unidos em uma boa viagem (Ogún ajò...), contudo, mesmo que o ajé seja para todos, o “Asé” deve ser ainda mais vivo, principalmente na vida de um iniciado, ele não pode te impedir de evoluir e brilhar. O Ajé usa os momentos de transição na nossa vida para agir, um exemplo é a passagem de uma casa de asé para outra. Todos aqueles que vieram de outra roça para o Ègbé L’ajò, sabem o quanto eu sou resistente a entrada desse filho e não é porque eu não acredite que o outro merece uma segunda chance, longe de mim, afinal eu passei por duas casas, mas é por conta dos fundamentos que são f…

Buscar no Orisá a força para recomeçar

Imagem

Entrevista para TV Alto Astral

Imagem

Testemunho de Fé e Agradecimento

Imagem
Em janeiro de 2016 tivemos um grande Candomblé de Osalá, com muitas obrigações e a casa ficou pequena para receber todos os filhos e amigos. Passado dias, fizemos o ritual do Amalá, para aquecer a casa e dar início ao ano de 2016, como é de costume no Ègbé L’ajò e pedi a Sangò que nos ajudasse a encontrar um lugar maior, com natureza e tudo que uma roça de santo precisa ter de espaço e acesso. Em três dias tivemos a resposta de Sangò e em sete, graças a Ogún e Esú, já tínhamos o dinheiro necessário para ter o terreno. Foi uma correria, uma euforia, uma felicidade e, entre muitas opções, acabamos fechando com uma localizada no bairro de Mont Serrat - Itapevi, principalmente porque a pessoa que nos vendeu era do asé (não da minha casa) , do orisá e de Sangò, vi aquilo como um sinal, o que me deu mais segurança em colocar tudo que tínhamos nas mãos dessa pessoa, porém fomos enganados, o local não se pode construir, outras pessoas também já haviam caído nessa história e foi aí que meu mu…

Olubajé no Ègbé L'ajò

Imagem
No dia 22 de julho de 2017 a Família Egbé L’ajò, comemorou o Olubajé, iniciações e obrigações. Agradecemos a presença de toda família e amigos. - Realização: Ilè Asé Egbé L'ajò - Idealizador: Babá Diego de Odé (Diego Guimarães Carvalho) - Organização: Iyá Egbé Mayra Centeno, Bàbá Efún Sandro Ty Airá Egbón Sandra Ty Ógún, Bàlogún Eduardo de Ogún. - Decoração: Eduardo de Ògún e Fabrício de Osalá.
- Fotos: Érica Catarina Pontes - Roupas: Crioula Fashion - Moda Afro, Sofia Magia, Agulha de Cobre, Ogan Tadeu Richilieau I, Rei dos Orixás, Sol de Aruanda (Mari Oliveira). - Aparamentas: Márcio Paramentas de Orixás, Alemão Paramentas, Rei dos Orixás (Lapa), Sol de Aruanda. - Materiais de Axé: Sandro Ty Airá (Tudo para Orixá), Rei dos Orixás (Lapa - SP) e Sol de Aruanda (Mari Oliveira). - Doces: Lucy de Oyá e Valéria de Logún. - Nosso blog: terradosorixas.blogspot.com.br - Fanpage: Babá Diego de Odé e Ilè Asé Egbé L'ajò Ilè Asé Egbé L’ajò Endereço do asé: Rua José Rodrigues do Nascimento, 9…
Imagem
Um fato sobre Candomblé é que o Orisá estará sempre do seu lado, ele NUNCA será a causa dos seus problemas e principalmente daquilo que você é permissivo, por isso, enfrente a vida e as consequências dela! E pare de dizer que, vai desistir... que o Orisá não te ajuda... que seu asé não faz diferença na sua vida... Foque nos seus objetivos, construa uma fé inabalável e valorize tudo aquilo que Olorun te deu. #Fé#Orixá#Candomblé

Carla de Iyèmonjá – Primeiro Ano de Iniciada

Imagem
Eu acredito que somos parte de um processo maior, que assim como a natureza, está o tempo todo reconstituindo tudo aquilo que o tempo e o ser humano destruiu, e é no Candomblé que reforçamos esses laços ancestrais de compromisso com a aiyè (terra), por isso, nada mais lindo que ver um Orisá agindo na vida de um filho, essa transformação e resgate da essência que nos fortalece, mas que por decepções muitas vezes se afastamos.

Carla carrega a liderança de Iyèmonjá e a resistência de Oyá, e bravamente venceu esse primeiro ano de iniciada, afinal não é fácil se adaptar um novo jeito de viver e aprender no dia-dia, que Orisá está em tudo, em cada decisão, abdicação e principalmente na maneira que transmitimos asé ao próximo.
Parabéns minha filha! Mais uma etapa vencida. Com amor, Bàbá Diego de Odé

O Candomblé e o Sacrifício de Animais

Imagem
Não é surpresa aos povos de matriz africana os casos de discriminação religiosa no brasil, haja vista que desde a chegada dos negros no Brasil estes sofreram perseguições culturais e religiosas. Entretanto, o sofrimento e humilhação do tronco deu lugar a coerção legislativa e jurídica, onde o povo de matriz africana enfrenta o reforço da desigualdade e luta para reafirma sua cultura e sua religiosidade. Em 2014 um magistrado federal do Rio de Janeiro emitiu uma sentença na qual desconsidera como religião os cultos de matrizes africanas, retirando destes adeptos a proteção constitucional à liberdade religiosa. Houve uma forte movimentação social contra a decisão do magistrado e o Ministério Público Federal inconformado com os fundamentos da sentença recorreu à Justiça Federal. Diante da repercussão tomada o magistrado alterou os fundamentos de sua decisão, reformando o trecho que ressaltava que as religiões de matrizes africanas não poderiam ser consideradas como religiões, entretanto…

Alessandra de Òsún - Obrigação de Três Anos

Imagem
O maior poder das filhas de Òsún é o de se adaptar e evoluir com as curvas do rio, e assim foi com a "minha rainha" como eu a chamo, pois assim ela é, delicada, nobre, com o coração maior que o mundo e soube melhor que ninguém transformar maldições em dons, com o seu lindo trabalho na Umbanda e consequentemente trilha uma estrada de amor e aprendizado no Candomblé.
Que Odé, Òsún e Oyá, continuem te abençoando e dando caminhos abertos para que você cumpra a sua missão sempre com fé e dedicação.
Com muito amor, Bàbá Diego de Odé
Data do evento: 29 de abril de 2017.

Milena de Ògún - Obrigação de Três Anos

Imagem
Essa é uma daquelas filhas que chegam em momentos especiais e marcam momentos importantes da nossa história. Em 2014 eu passei por uma das maiores transformações da minha vida, que foi a ampliação do ilè asé, porém não eram apenas as paredes que precisavam ser reformadas, eu também necessitava de mudanças, rever alguns pontos e em um workshop sobre iniciação, conheci pessoas incríveis e 70% dos participantes se tornaram meu filhos.
Que Ògún Mèjèjè abençoe sempre sua vida, transformando e te fortalecendo todos os dias.
Com amor, Bàbá Diego de Odé
Data do Evento: 29 de Abril de 2017.

Obrigação de Três Anos de Edu de Ògún

Imagem
Comemoramos no mês de abril os três anos de iniciado de Edu de Ògún, um guerreiro que está diariamente do meu lado, enfrentando todas as guerras. Ògún sempre foi verdadeiro na sua vida e acompanhou todas as mudanças e adaptações que sua estrada sofreu e mostra a cada dia que é muito mais que seu pai. Parabéns pela força, garra e dedicação ao asé. Com amor e orgulho,
Bàbá Diego de Odé

Arte no Ferro para Orisá

Imagem
Parabenizo Fabiano Santiago Diniz Dofono, pelo excelente trabalho realizado na confecção de ferramentas para Igbá, de mão, capacetes, akorò, espadas e lanças para as festividades de Esú, Ògún e Odé no Ègbé L'ajò.
Contato: (11) 96708-8265 / 95798-5514. #BomGosto#Candomblé

Moda - Super Dica!

Imagem
Para os dias de função e até para candomblé, roupa branca acaba não vencendo, por isso os conjuntos em Ankara são uma opção bonita e sua acessível.
Rei dos Orixás
Rua John Harrison, 91 - Lapa - SÃO PAULO
WhatsApp (11) 97441-1577