segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

O Orixá tem gosto?

Essa é uma pergunta que sempre me fazem, ou seja, o Orixá escolhe o que vai vestir, o que vai usar e etc. E a minha resposta é muito direta, SIM, pois as forças da natureza, como a água, como o fogo, o ferro, o vento... tomam consciência através do nosso culto, o nosso tempo e principalmente mediante a nossa ancestralidade, isso não explica apenas o gosto, mas a forma de se manifestar e o que oferecemos dentro do quarto de axé. Eu costumo dizer que eu não posso vestir Oxum de roupas pretas ou Lufan de vermelho, afinal eles possuem sua origem e já existe um culto para ampará-los, então para que eu vou desrespeitar o que meu antepassados já tinham como verdade?

É notável a diferença entre um filho que compra as coisas do seu Orixá com gosto e sacrifício daquele que compra com dó, que só reclama e que diretamente ou indiretamente, joga na cara do seu próprio Orixá o que ofertou. Antes eu passava por cima, entendia, mas hoje não, se não for para fazer com gosto, com amor e dedicação, eu alerto para não fazer, aliás nem entrar no axé, pois o Orixá houve nossos pensamentos, nossas dúvidas e anseios e certamente o omo-Orixá não vai ter bons resultados em sua vida, pois quem planta miséria colherá seus frutos e isso só não se aplicará as pessoas que realmente não possuem condições financeiras e oferta o que pode, para esses a compreensão e compaixão do Orixá existe e a comunidade observando a necessidade, tem que ajudar, mas tem sentido a pessoa dizer que nunca tem condições para a religião e na sua vida particular ostentar? Sempre tem dinheiro para beber, comprar roupas novas e etc. Acha que está enrolando quem? Depois a vida não vai para frente e o Orixá e o babálorixá é quem não presta, quem deixou de fazer fundamento e etc.

Então eu reafirmo que sim, o Orixá observa o cuidado e amor que você teve em fazer as coisas deles, que seja, por exemplo uma roupa feita de morim, mas que esteja limpa, engomada e bem passada, não dê qualquer coisa, não feche a mão para quem está sempre te protegendo, dê o seu melhor e receberá sempre o melhor. Quem convive comigo há anos sabe que nunca tive dinheiro para esbanjar, mas para Oxossi e os demais Orixás, seja parcelado, seja juntando, nunca deixei de dar o melhor que eu pude e não me arrependo jamais, pois se eu tenho caminhos, braços e inteligência, é porque ele me deu e isso já é por si um milagre na minha vida.

Seja feliz no Candomblé, reze, participe e oferte, assim é em nossa fé e em qualquer religião que você for seguir seriamente, mas tome cuidado apenas para não carnavalizar e colocar seu Orixá em ridículo. Bom senso!

Nenhum comentário: