sexta-feira, 3 de maio de 2013

Fiz o santo e nada mudou. O que eu faço?


Ontem, eu recebi um e-mail que me deixou intrigado, nele um jovem relatou que tinha feito santo há seis meses e que nada, na sua vida, havia mudado. Fez santo esperando que as coisas se resolvessem e até agora ele tinha continuado perdido nas mesmas situações. Na mesma mensagem ele dizia que não queria fazer e que durante sua iniciação teve vários problemas com seus irmãos, resumindo o assunto, que estava tudo errado e que não iria mais à casa de axé, pois estava arrependido de ter entrado na religião, mas que leu meu blog e ficou em dúvida.

E então eu respondi:

Caro Dofono,

Entendo seu ponto de vista e o respeito, porém acredito que o erro está na interpretação do ato religioso pelo qual você passou. Se iniciar no candomblé é ter a chance de uma nova vida, de renascer. A mudança que o Orixá promete para vida dos seus filhos é de dentro para fora, pois quem tem compromisso com seus santo é você. Tudo que acontece durante uma iniciação pode sim refletir na sua vida, contudo o Orixá jamais te irá jugar por aquilo que você não tem conhecimento, ou seja, se fizeram algo errado, mesmo que falte essa energia na sua vida, o seu Orixá não irá te falta.

Nós, do candomblé, acreditamos que o Ory (cabeça) é um Orixá muito poderoso e é responsável pela entrada e saída de energias, se sua mente não teve confiança, se você não acreditou de verdade em tudo que foi feito, como é que você quer que o seu Orixá te ajude? Se no momento onde você pode se agarrar na fé, preferiu ficar preso em confusões e picuinhas?

Peço que você reflita, vá ao seu pai e converse com ele. Não saia da sua casa de santo, pois você tem um juramento com o axé e com os Orixás da casa. Mudanças às vezes são necessárias sim, mas acredito que você ainda não tem entendimento suficiente para jugar o que foi ou não foi feito para você. O tempo do Orixá não é o nosso tempo, resgate seu lugar no axé e se depois de todas tentativas, ainda sim você não estiver feliz, aí sim, vá à busca de um novo caminho. O Orixá nunca nega uma nova oportunidade.

Atenciosamente,

Babá Diego

Nenhum comentário:

Buscar no Orisá a força para recomeçar

Durante a vida vamos passando por momentos onde nada tem explicação, são crises que vem como tempestades que param ...