domingo, 1 de abril de 2018

Cultivar boas energias

O Axé é a palavra que define quase tudo que é bom na nossa religião, ele serve como o “amém”, “eu aceito”, “que bom!”, ou seja, ele determina poder. E eu fico pensando, tanto invocamos algo que é proveniente de Olorun, dos ancestrais e da terra e o que fazemos com toda essa energia?
Sabemos que a natureza não responde bem a abusos, aprendemos isso em muitas lendas e vejo que o maior desafio de um iniciado (a idade de santo que for) é usar bem o seu axé, o seu poder pessoal, a sua capacidade de profetizar e invocar o seu Orixá. Todos os dias, vejo iniciados sofrendo na hora de conseguir equilibrar o Ori (cabeça), com a comunidade (Ègbé) em sua volta e tendo a força ancestral viva e que vai opinar sobre tudo.
Meu conselho é, busque o equilíbrio em cada decisão, o que for bom fale em voz alta e o que for ruim desabafe com poucos, com quem realmente vai te ajudar, seja com uma palavra ou direção. Outro ponto é que passamos muito tempo da vida nos privando de sermos felizes pelo medo e por lembranças do passado, sei o que o peso dos fatos negativos serão sempre maiores, pois costumam ter um impacto maior, mas quanta coisa deu certo? Quantas vitórias te formam hoje? Seja grato (a) pelo que você é hoje, isso já é um bom começo.
Todos os dias eu preciso enfrentar a mim mesmo para sentar em uma mesa de búzios e olhar pelo prisma do próximo, isso me desafia a melhorar sempre e hoje eu posso dizer que não existe ninguém completamente ruim ou bom, existem pessoas que são resultado de uma estrada com começo, meio e fim e já outras estão perdidas em uma história mal contada e que só precisa de um sentido, um enredo para ficar interessante e o meu papel é identificar as marcas espirituais e aconselhar, sem prejudicar o que é mais sagrado nesse mundo, o poder de escolha, o que você cultuou durante a sua estrada, ele determina seu axé.
Frase da semana: Suas escolhas determinam o seu axé pessoal!
Uma ótima semana!

Nenhum comentário:

Tristeza

O sentimento de tristeza (bíbinújé) é algo que vem perseguindo e assustando nossos ancestrais desde os tempos primordiais, Verger cita u...